foto2

Obviamente esta história é minha e de, provavelmente, mais um milhão de mulheres. Um vídeo recente saiu pelas redes sociais dizendo que 97% das mulheres tem um momento “odeio meu corpo” algumas vezes por dia. Vou postá-lo aqui em baixo para você também ter acesso à ele! Este vídeo fala de uma verdade, é um retrato de muitas de nós! É um vídeo de empoderamento que exemplifica meu trabalho com mulheres e, recentemente, alguns homens que também tem me procurado. Antes de falar sobre isso, vou te dizer como este mesmo trabalho mudou a minha vida. Antes, veja aí o vídeo! 😉

Imagem de Amostra do You Tube

 

 

Minha história

Depois de apostar em muitas dietas malucas, medicamentos ou fitoterápicos ditos milagrosos, depois de pagar um ano de academia sem ter ido com frequência sequer 1 mês, eu entrei num estágio de desistência. Pensei comigo: “dane-se, vou ser gordinha mesmo, meu noivo me ama do jeito que eu sou e isso é que importa”. Mas eu tinha MUITAS dores e dores frequentes devido à inflamação do nervo ciático. Eu olhava no espelho e me achava fraca por não conseguir um padrão de vida mais saudável. Eu já tinha perdido as esperanças em ter um corpo em que me sentisse bem, confortável, mas me angustiava pensar onde eu iria chegar!

Nesta época grande parte do meu dinheiro ia para satisfazer desejos gastronômicos. Ora, a mente não tem limites quando o assunto é desejo! Eu cheguei a comer 1kg de chocolate em 2 ou 3 dias. Frequentemente “descontava” minha insatisfação e fraco senso de autoeficácia em comida. Cheguei a pensar que estava escondendo uma depressão por trás daquele comportamento compulsivo! Então voltei à análise.

Sinceramente, não por ser uma profissional que também trabalha com análise, mas parece que depois que eu sentei na frente daquele bom homem um monte de coisa se resolveu dentro de mim sem que eu precisasse me esforçar muito. Eu estava muito decidida a mudar de vida. Troquei o cabelão que batia na cintura por um chanel e começou então mais uma guerra contra a balança – e contra mim mesma. Entendi que o simples fato de falar sobre o que eu sentia ou sabia sobre mim mesma não ia me ajudar do jeito que eu imaginava dentro do processo de emagrecimento. Eu precisava de algumas técnicas que pudessem me auxiliar de forma mais direta. Contra a “vontade” do meu analista, me inscrevi em vários cursos e decidi aplicar algumas daquelas técnicas em mim mesma. Então, depois disso, nasceu o Mente Magra, Corpo São!

As técnicas

Eu consegui um emagrecimento muito rápido com a hipnose! Olha só, uma técnica que já passou do seu auge da fama! Acontece que ela ganhou um recurso “cognitivo” em que é possível utilizá-la como um tratamento crescente, protocolado e ajustado a cada caso. Percebi que eu era mais ansiosa do que supunha e que muitas vezes meu ataque ao chocolate ou à geladeira eram para mascarar um sentimento que eu não sabia lidar. Engraçado que eu fui professora de yoga por muitos anos e uma expert em relaxamento. Passei a utilizar as técnicas à meu favor, diariamente. Percebi, com isso, que a minha fome emocional diminuiu muito, principalmente ao longo do dia. Hoje em dia, trabalho com a modulação da ansiedade através do relaxamento e da auto-hipnose, ensinando pessoas a gerenciar melhor esta resposta emocional. O impacto na fome e no desejo de comer é imediato.

Com o curso de hipnoterapia cognitiva, coloquei o famoso “balão intragástrico imaginário” e perdi 12 kg em 2 meses! Teremos aqui muitos artigos sobre a técnica, seus mitos e funcionamento. Esses 12 kg eliminados foi porque tudo aconteceu ao mesmo tempo: eu aprendi a gerenciar melhor minha ansiedade, aprendi a diferenciar desejo e fome fisiológica, aprendi um novo conceito de saciedade. Fundamental para mim neste entremeio foi uma técnica chamada mindful eating, ou alimentação consciente. Eu aprendi a comer direito e o mais fantástico, eu tenho hoje muito mais prazer em comer! Eu, literalmente, troquei o comer muito pelo comer bem! Isso foi fundamental para quem eu sou hoje!

Então se você quer saber sobre a receita do sucesso, é esta: gerenciamento emocional, autoanálise (no sentido que é necessário realizar esforços para entender o impacto das suas emoções no ato de comer), hipnose e autohipnose e meditação mindfulness com a mindful eating! E tudo sobre isso você encontra por aqui! E para que você veja meu antes e depois:

sheilacolagem

Mente Magra, Corpo São

É impossível eu falar sobre o início deste projeto sem falar da minha caminhada antes! Porque foi justamente a minha caminhada que deu origem ao Mente Magra, Corpo São! Tudo o que eu sei, estudei e busquei neste caminho e que compete à profissão do psicólogo, estará presente aqui!

É incrível o poder da mente e é absolutamente inaceitável que você não utilize isto ao seu favor! Aliás, você verá em alguns artigos que muitas vezes você contribui para o mau funcionamento da sua “máquina”.

Dentro do Mente Magra, Corpo São existem vários subprojetos diferentes. Além dos atendimentos individuais que faço, dou um workshop mensal sobre os primeiros passos para o emagrecimento e, a cada 3 meses, temos o workshop para modulação emocional para associar aspectos positivos ao esporte e à atividade física.

Além disso, tem o ebook, que você pode baixar clicando na imagem abaixo e esta também é uma forma de assinar nossa newsletter, que envia quinzenalmente novidades sobre o site e sobre os novos projetos Mente Magra, Corpo São. A nossa ideia é promover um projeto de vida para que você nunca mais precise de muitos projetos verão!

BAIXELIVRO

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *